domingo, 7 de maio de 2017

Atrizes pornô falando sobre sexo anal!

Resultado de imagem para gif trem tunel

O polêmico e desejado sexo anal visto de um ângulo diferente. As estrelas pornô são as grandes responsáveis por esse desejo masculino, mas o que elas tem a falar sobre isso?

Asa Akira

Imagem relacionada

Para mim, a parte mais importante é não fazer bagunça. É daí que vem a ansiedade. Algumas garotas não comem nada por 24 horas antes de uma cena de anal; algumas garotas fazem lavagem. Eu começo a me limpar 24 horas antes, o que significa fazer enemas durante o dia. Há certas comidas que você deve evitar a todo custo, como beterraba e milho. Descobri que as posições mais fáceis para começar são cowgirl reverso ou cowgirl. Algumas garotas preferem conchinha, mas eu gosto de ficar por cima. Você também tem que empurrar enquanto o pênis está entrando.



Sheyla Almeida



Resultado de imagem para Sheyla Almeida - atriz porno

Conhecida por ter os maiores peitos do Brasil, Sheyla Almeida conta que sua preferência é o sexo anal. “Tenho vários orgasmos com o anal. Sinto muito prazer”, diz.
Apesar de a prática intimidar por causa da dor, Sheyla dá alguns truques para garantir o prazer. “O homem tem que masturbar a mulher para ela ficar bem relaxada e com bastante tesão”, afirma. “Se a mulher pensar que vai doer, dói mesmo”, diz.
E para superar esse obstáculo, ela aconselha a começar com brincadeirinhas e com um vinho para desinibir. “Passar creme no corpo com sabores e passar a língua no ânus também ajuda”, conta.
Com longa experiência, a mulher mais siliconada do Brasil dá valiosas dicas para conseguir ter um anal gostoso. “A melhor coisa é passar lubrificante. No começo, sou eu quem coloca o pênis e depois vira um sexo animal”, afirma. De acordo com ela, qualquer posição é apropriada. Porém, a morena costuma iniciar de lado e depois fica de quatro. “De quatro é mais profundo”, justifica Sheyla.




Bruna Ferraz



Resultado de imagem para Bruna Ferraz

A atriz pornô Bruna Ferraz, 25 anos, fez sexo anal pela primeira aos 21 anos, depois de ter tentado três vezes. Para se iniciar na prática e aliviar a dor, ela introduzia seu próprio dedo e pedia para seu parceiro fazer o mesmo. “Acariciar antes de penetrar é muito bom”, afirma.
Segundo Bruna, o maior empecilho era a dor. “Eu tinha um pouco de receio porque doía e parecia que alguma coisa não deixava o pênis entrar. Era uma coisa de virgindade mesmo”, diz.
A atriz acredita que é a mulher quem deve ter o controle no sexo anal. “Eu seguro no pênis e deixo entrar devagarinho”, conta. Agora, Bruna diz sentir muito tesão com o anal e que é possível atingir o orgasmo.


FONTE: Dr Sophia, Vice